3 de set de 2014

Neiminha, sem café.

Minha irmã Neima, a quem chamamos de teima, teimosa ou teimosinha e não sem motivos,  aniversaria hoje às 10 h ( assim ela prefere dizer) e estou feliz por vê-la bem, com saúde, amigos e até tranquila!
A sua teimosia que por muitas vezes deu trabalho, também lhe ajudou a vencer muitos obstáculos e a perseguir seus objetivos. Muitos julgaram que você não terminaria os estudos ou não sobreviveria ao acidente que sofreu ou aos graves problemas de saúde que enfrentou na juventude.
Surpreendendo a todos você os venceu, escolheu a matemática como paixão e profissão, compôs o primeiro quadro de professores de universidade pública estadual e com qualidade contribuiu na formação de graduados, mestres e doutores.
Os anos amainaram o seu temperamento e aumentou a sua tolerância conosco e com os outros. Fez amigos e tornou-se a  querida dos sobrinhos.
Esteve presente em nossas principais vitórias, desde a formatura do abc das sobrinhas,  as viu entrar na faculdade seguiu acompanhando até a leitura da ata de grau de mestre.
Estes dias esteve presente conosco, lado a lado, acompanhando percalços de saúde de nossa irmã Neiva. Foi um momento cheio de solidariedade e,  apesar da apreensão, demos boas risadas.
Sou grata ao Pai pela sua presença em nossas vidas, pelo seu dedo verde que sempre faz brotar belas rosas, por saber  sempre repartir conosco o que tem e por  disponibilizar seu suado dinheirinho quando supõe que podemos precisar.
Sou grata por preservar a sua forte intuição e sempre se antecipar aos fatos e amenizar as consequências, por ser a fiel guardiã das nossas memórias, nos lembrando sempre de datas e fatos marcantes de nossas vidas.
Sou grata por ter cuidado de nossos pais até o último momento, por ter acompanhado nosso irmão Walney na ausência deles e por mante-los vivos em nossas mentes.
Gostaria de lhe dar muitos presentes, mas se pudesse lhe daria um que você gosta e está proibida: -  Tomaria com você um cafezinho da Kopenhagen,  acompanhado de muitos chocolates e biscoitos!!!
Por falar nisto, lembra-se daquele meu aniversário em que só quis receber chocolates de presentes? Recebi chocolates Chadler, o gosto da nossa infância.
Então irmã , lhe envio virtualmentes uma cesta de boas lembranças com Bombons da Sabor - iguais aos que comprou para todas nós com seu primeiro rico dinheirinho; uma dúzia de anéis de baleiro com pedras de todas as cores; Guaraná Fratelli Vita, um pacote de bolacha fofa, o cheiro do café cravo, ingressos para o Cine Roma, um pó compacto; um sapato com televisão; uma bolsa tiracolo; uma calça Lee; bolachinhas de goma e  passagens para o trem do pirulito.
Beijos e continue teimando em ser feliz!




Neima em várias fases, mas particularmente acho que quanto mais velha, mais feliz!



 Neima aderiu a campanha das flores brancas pela paz e como adora as pequenas e generosas flores do mato, esta foto é dela e foi postada no facebook
Uma das muitas rosas meninas que ela tem em casa e traz consigo sempre que vai nos encontrar!

2 comentários:

  1. Sua extensa lista de presentes me deixa sem margem de escolha, por isso, fico-me por um beijinho p'rá mana querida! E faço-me eco do seu desejo: continue teimando - quem persevera sempre alcança!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. bjs querido, faço questão de repassar seu recado e beijinho.

      Excluir

Obrigada pela visita. Deixe seu comentáro, enquanto passo nosso cafezinho.