21 de jul de 2015

Véspera de pouco produz dia de muitos





Hoje é um dia de muito ganhos e retornos. Muitas saudades a aplacar e visitas a fazer. Muitos carinhos e abraços devidos a  quitar. Hoje é dia de café em mesa farta.
 
O dia vai começou com um bom café com pão quentinho - feito por mim; geleias, queijo minas ou serrano e até um homus para lembrar quem gosta e por aqui costuma passar. O almoço será no melhor da tradição do  Cabo Verde e terá Arrozcatum, servido com fartura em mesa posta com garbo nas toalhas de puro linho do Rendasdebirras. Não faltarão os pasteis de nata e vinho do Porto. Terá cafezinho coado, a italiana, espresso e espresso de cápsula.

...e quando a noite cair nas badaladas das seis horas,  ecoarei o Mantra Sagrado Om e darei bênçãos a Fraternidade, à família de carne, a de espírito e àquela feita de laços amizade porque sou feliz!

Beijos meus amores de casa e de outras pátrias. Eu estou voltando!!!


                                                      o tempo nublado ficou para trás!


2 comentários:

  1. SEJA BEM-VINDA!!!
    Espero que o arrozcatum tenha levado pimento verde e vermelho, bastante bonito ou albacora, muita malagueta (ou piri-piri), sem esquecer a canela nos pasteis de nata...A rendas de bilros sendo uma tradição lusitana, creio que são de inspiração gaulesa...O café, decerto, era de Santos e, antes que esqueça, o arroz deve ser carolino (gomoso)...
    TODAVIA, O MAIS IMPORTANTE É QUE V. TENHA VOLTADO...Estou comovido com essa ressurreição emocional...
    Mil beijos!
    Zito


    Zito

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Saudade é uma palavra que só nosso dicionário conhece! Obrigada por velar meu sono de esquecimento.

      Excluir

Obrigada pela visita. Deixe seu comentáro, enquanto passo nosso cafezinho.