12 de out de 2015

Café "requentado"

... e o tempo passa e as crianças  crescem.  Hoje já passaram daquela idade que vc tinha qdo elas nasceram,   quando fizeram 15 anos e vão  seguindo cada qual seu rumo em paralelas que dizem vão  se encontrar no infinito.

Não  há  mais presentes e bagunça  no dia das crianças ou balas e doces sobre a mesa. São  outros tempos e outras comemorações, outros círculos e outros ciclos.

Cada coisa no seu tempo,  aliás  o tempo que  é o senhor de todos os caminho.

Quem sabe faz a hora ou perde para sempre


2 comentários:

  1. Olá Nouredini!
    Lindas! Vidas em flor! Alegres como só se é na mocidade!

    Pela vida fora também vivemos alegrias, mas há uma idade para tudo. E em cada idade há diferenças.
    Pois minha amiga eu já tenho saudades de "a ver" por aqui.
    Muito grata pela simpatia das suas palavras feitas desejos a mim dirigidas, acerca das nossas férias. Pois já ficaram para trás, mas há que reconhecer o bem que usufruímos, e que também se poderá refletir um pouco na saúde, que agora já é mais frágil, a gente é que nem pensa nisso.

    Então Nouredini esteve a trabalhar num lugar tão seco, aparentemente inóspito. Deve ser penoso residir num sitio assim sem verdura, aparenta ser demasiado quente.
    Eu como vivo num sitio temperado, fico muito atarantada com o calor em demasia. Mas a verdade é que quem já está habituado, ultrapassa.
    Vou dormir, são horas...
    Beijinhos, tudo de bom.
    Dilita

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Da esquerda para direita são Ana Carolina e Ana Cláudia, irmãs de coração de minhas filhas, filhas da querida Fátima, segunda mãe delas . Agnes, a minha mais velha e Cissa.
      Elas foram unidas pela circunstância do casamento dos pais e ficaram amarradas pelo coração até hoje.
      Feliz pelo seu retorno , deixo para você todo meu carinho

      Excluir

Obrigada pela visita. Deixe seu comentáro, enquanto passo nosso cafezinho.