13 de jan de 2017

O cozinheiro voltou!

Ontem dia da lavagem do Senhor do Bomfim, festa que mistura profano e sagrado, água de cheiro e cerveja, velas e flores, lá do outro lado do mar uma outra procissão se arrumava. Uma procissão feita de sacolas, mimos e cuidados a carregar o cozinheiro do Arrozcatum para casa.

Hoje, dia 13, Zito está em casa e cercado pela sua Maiúca e filhos. Os amigos de perto poderão vê-lo e os de longe poderão tê-lo no blog. O 13 é numero de sorte, contrário do que muitos pensam e insistem.  13, marca a morte e o renascimento. Soma 4, um numero cujo adição dos antecessores a ele  iguala-se a Monada: 1+2+3+4=10, a Potência.

Feliz os que nascem das cinzas, não importando quanto dure a vida. Um instante, 10 anos, 100 anos. O que realmente temos é o agora e devemos desfruta-lo. O Mestre Thay diz "alegrai-vos pois em todo lugar é aqui e agora" e essa verdade nos une.

No sertão andor no costado o povo canta...

"Ó Deus salve o oratório
Ó Deus salve o oratório
Onde Deus fez a morada
Oiá, meu Deus, onde Deus fez a morada, oiá
Onde mora o calix bento
Onde mora o calix bento
E a hóstia consagrada
Óiá, meu Deus, e a hóstia consagrada, oiá"

Em nós reunimos o amor fraterno, o cálice bento e a ostia consagrada.
Receba zito e se lambuze do amor dos seus amigos e familiares, você merece! 



2 comentários:

  1. Regozijemos com o regresso do chefe alcunhado de "El Gordito".
    Cada um farà a sua prece. Vão todas para a mesma pessoa. Força !!!
    Abraços a todos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Aqui preces diárias e o desejo sincero de ler um novo post. Passo no Arroz de manhã a noite, a espera de novidades.

      Excluir

Obrigada pela visita. Deixe seu comentáro, enquanto passo nosso cafezinho.