6 de abr de 2016

Somos infinitamente capazes!

Os poucos mas queridíssimos que me acompanham sabem que minha amiga Vanúsia teve uma hemorragia provocada por um aneurisma na cavidade craniana. Já lhes adianto boas notícias,  ela se recupera bem e hoje foi autorizada a fazer breves momentos de leitura e começar se readaptar a luz do monitor do fone e do computador. 

É fantástico esse nosso cérebro e sua capacidade de se adaptar! Como não é luta emocional, mas lógica tudo anda rápido nos circuitos neurais. Encrenca e das boas é quando estamos  operando no campo do emocional... ai é ronha, ruminação, vai e volta puxa e estica.

Estou radiante com notícia e grata aos santos, mestres e orixás  de todos credos e religiões porque as orações ecoaram em diferentes línguas e ritos. Todos se uniram   na linguagem que Vanúsia mais conhece: - amor!

Preciso tomar como exemplo este fato e ser mais prática nas questões do meu dia a dia, mesmo aquelas do campo do gostar e do sentir, elas também pode ser simples, fáceis e rápidas. Não  preciso fazer de tudo uma via crucis ou por culpa e penitencia em tudo. É urgente ser leve e livre.

Se for para parar para pensar e remoer, que seja o breve tempo de um cafezinho!

Bjs, Votos de paz e harmonia





2 comentários:

  1. Pois é, amiga, apesar da infinidade das nossas capabilidades, os latinos continuam a ter razão: IN MEDIO STAT VIRTUS...Torço pela toral recuperação de sua amiga!
    Bjs
    Zito

    ResponderExcluir
  2. Nunca fui adepta de comportamentos rigorosos, caminho do meio, constância e dedicação.
    Bjs amigo querido, seus votos são bem vindos

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita. Deixe seu comentáro, enquanto passo nosso cafezinho.